Prefeito de Manaus gasta R$ 100 mil para correr maratona

- PUBLICIDADE -spot_img

O prefeito de Manaus, capital do Amazonas, David Almeida (Avante), viajou no último fim de semana à Espanha, acompanhado de sua equipe, para um compromisso um tanto inusitado.

Ele participou da famosa e concorrida Maratona de Barcelona, que ocorreu em 8 de maio e reuniu mais de 30 mil pessoas. O prefeito correu 42 quilômetros e registrou e publicou nas redes sociais cada passo.

“Além de me proporcionar este momento incrível, nesta maratona eu puder avaliar o meu nível como atleta”, escreveu Almeida nas redes sociais. Ele completou a prova em 4 horas e 36 minutos.

No entanto, segundo a Câmara dos Vereadores de Manaus, Almeida gastou em torno de R$ 100 mil de dinheiro público para participar do evento. O Legislativo aprovou um requerimento para que o prefeito explique a despesa.

O que chamou a atenção dos vereadores foi o fato de a prefeitura não ter divulgado no Diário Oficial nem no Portal da Transparência o valor gasto com a viagem.

“O que nós questionamos é tudo aquilo que já deveria ser público, nós queremos saber por que os dados não estão no Portal da Transparência nem no Diário Oficial. Nem dessa viagem nem de outras, e por qual razão a prefeitura tem demorado, tem se recusado a responder”, disse o vereador Amom Mandel (Cidadania).

“A gente não tem nenhuma informação de quantas pessoas foram, só sabe que foram muitas. E quanto custou essa viagem, quanto custou esse tour com dinheiro público aqui da população da cidade de Manaus”, destacou o vereador Rodrigues Guedes (Republicanos).

Viagem para incentivar o turismo

A prefeitura de Manaus confirmou que pagou os gastos do prefeito e da comitiva que o acompanhou a Barcelona. Segundo a nota, a viagem tinha o objetivo de “incentivar o turismo na capital amazonense, que faz aniversário em outubro e pretende realizar uma maratona também”.

O Executivo explicou que a comitiva foi formada, além do prefeito, por servidores ligados à organização e divulgação da Maratona de Manaus, com custo de R$ 72 mil referentes às passagens de agentes públicos e R$ 32 mil para diárias dos servidores, despesas de hospedagem, deslocamentos e alimentação.

A prefeitura ainda afirmou que o prefeito David Almeida abriu mão de suas diárias e que as informações detalhadas relacionadas aos servidores da comitiva estarão disponíveis no Portal da Transparência assim que as prestações de contas forem finalizadas.

Leia também: “O país do pagador de impostos”, reportagem publicada na edição 82 da Revista Oeste

Fonte: Conteúdo Retirado do Site R7 e Publicado no site EnfocoNoticias.com

Últimas Notícias
- PUBLICIDADE -spot_img
Notícias Relacionadas
- PUBLICIDADE -spot_img

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here